Suzette e o Monstro de Meia

Era ainda uma vez uma casa com seis crianças dessa vez. Era uma vez uma mesma palhaça que abriu a tela do telefone com o som ligado, dançando. Quando ouviu: “Suzette, cadê o monstro”? Foi então que a palhaça olhou dentro da sua incrível maleta de Dra. Besterologista e, de uma inesperada inspiração, calçou na mão uma meia velha, apresentando ela para a câmera e dizendo: “crianças, esse é o Monstro da Meia Rosa”! “Monstro da Meia Rosa”!?!? Sucesso imediato de público, esse monstro tinha muito da personalidade daquele outro, o invisível, e imediatamente começou a correr atrás da Suzette também. Por quê? quem se importa! Quem quer ser pego por uma meia velha? Sorte é que as crianças já conheciam todos os esconderijos da casa da palhaça: o banheirinho, a moita, a cozinha, e foram ajudando Suzette a se esconder. Ufa!

Texto: Dra. Suzette Marie

Deixe uma resposta