Missão

Colocar o riso a serviço da vida por meio da arte do palhaço.

Princípios

  • Cultivamos as relações saudáveis e o cuidado mútuo.
  • Atuamos com verdade, transparência e respeito ao público.
  • Buscamos a inovação na reflexão cotidiana sobre nosso fazer artístico.
  • Nossa prática se fortalece pela inquietação e pela formação continuada.
  • Sustentamos a subversão do palhaço, respeitando as balizas da instituição.
  • Construímos o trabalho coletivamente, com planejamento e organização.
  • Trabalhamos com estratégias criativas na busca da sustentabilidade.

Reconhecimento

  • Condecoração de Honra ao Mérito pela Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte.
  • Prêmio de Gentileza Urbana pelo Conselho Estadual de Arquitetura de MG.

SOBRE

Instituto Hahaha é uma organização sociocultural da sociedade civil (OSC) que promove a arte do palhaço em espaços de saúde e ambientes vulneráveis. Com a missão de colocar o riso a serviço da vida, busca garantir o direito e acesso à arte e à cultura para crianças, adolescentes, adultos, idosos, seus familiares, profissionais de saúde e corpo técnico. 

 

A Organização foi fundada em 2012 por Elen Couto, Eliseu Custódio e Gyuliana Duarte. A inspiração surgiu da primeira organização de palhaços médicos “Clown Care Unit” de Nova Iorque e a partir da expertise de cinco anos de atuação na organização Doutores da Alegria em Belo Horizonte.  A organização nasceu já carregando no significado do próprio nome o riso e a seriedade deste trabalho: Instituto Hahaha. Desde então, realiza ações que dialogam com as áreas de saúde, cultura e políticas sociais em diferentes frentes. 

 

Os projetos são realizados por uma equipe contratada de artistas profissionais com experiência na palhaçaria e pessoas de diferentes áreas que atuam nos bastidores. Todas as ações são gratuitas para os hospitais e espaços atendidos, mas não são voluntárias. Elas são possível com o apoio de pessoas, empresas e por meio de recursos de leis de incentivo à cultura:  municipal, estadual e federal, fundos municipais, e doações de empresas e pessoas físicas.

Frentes de trabalho

O encontro entre  médicos palhaços e seus pacientes é o principal eixo do Programa de Intervenções Artísticas da Instituição. Lá em 2012, eram atendidos 5 hospitais públicos pediátricos. Atualmente, o Hahaha está presente em 10 instituições e expandiu o atendimento para idosos em hospitais e Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI’s) e crianças e adolescentes em Unidade de Acolhimento Institucional (UAI’s).

 

Já são mais de 657.649 mil pessoas alcançadas diretamente pelo trabalho. 

 

Com o compromisso social de compartilhar a experiência e expertise na área, o Instituto promove espaços de Formação na área da palhaçaria em ambientes vulneráveis para grupos e pessoas interessadas no tema. Se aperfeiçoar constantemente também é uma responsabilidade levada muito a sério, por isso o elenco que compõe a equipe participa semanalmente de formações, que contêm processos de escuta, kundalini yoga, treinamentos físicos e discussões teóricas do universo da palhaçaria. 

 

Toda a experiência com os atendimentos inspira Criações Artísticas que são produzidas e apresentadas ao público em geral, em diferentes formatos como oficinas, espetáculos, rodas de conversa, e conta causos. Cada uma dessas frentes de trabalho contribui para o cumprimento da função social da instituição. 



linha do tempo

Em 2012, contagiar com o riso foi o primeiro passo. Constatado o efeito terapêutico do riso, era hora de formar mais palhaços em hospitais por meio de cursos e para disseminar a missão. Isso tudo foi reconhecido pela sociedade com a condecoração de Honra ao Mérito em 2014 pela Câmara dos Vereadores de Minas Gerais. Trabalho concluído? Nem pensar. 

 

Como garantir que todas as pessoas hospitalizadas aproveitassem as grandes festas realizadas pela cidade? Levar as festas até elas, é claro! Carnaval? O Bloco Hahaha leva a folia. Festa Junina? Harraiá do Hahaha prepara uma quadrilha cheia de balancê. Natal? Ah, o cortejo Auto de Natal aquece os corações pelos corredores das instituições. 

 

Obstáculos são iminentes, mas foram muitos planos milimetricamente planejados com o objetivo de achar mais gente que também acreditasse que existe cura por meio da arte.  Mais apoio, mais confiança, hora de crescer! Novas instituições, novos públicos, novos profissionais de diferentes áreas, novas ações. Agora deu, né? Mas claro que não! Horizontes foram ampliados. Foi criado uma ponte para fazer chegar a cidades do interior: Expresso Hahaha Chegamos ao Vale do Aço, em Ipatinga e outras cidades de Minas Gerais. 

 

Seguimos construindo essa história ao lado de pessoas, parceiros, empresas que contribuem e asseguram promove a cultura e  a saúde por meio do riso para todos. Navegue pela linha do tempo abaixo que pontua o início de cada nova ação da organização e conta a trajetória até aqui.

2012
Fundação do Instituto Hahaha

Criado por Eliseu Custódio, Elen Couto e Gyuliana Duarte. 

2013
I Mostra Hahaha

A primeira Mostra Hahaha promoveu uma programação com palhestra, a oficina Palhaços de Hospital e o espetáculo Roda Hahaha, que transporta para o palco o dia a dia das enfermarias de hospitais. 

Prêmio Gentileza Urbana

Recebeu o Prêmio Gentileza Urbana pelo Conselho Estadual de Arquitetura de MG. A premiação visava estimular iniciativas que contribuíram significativamente para a melhoria da qualidade de vida urbana, (re)criando a cidade mais amável, aprazível e humana.

Cortejo natalino nos hospitais

Com o intuito de levar o natal para os hospitais, foi criado o  cortejo natalino. A ação reúne palhaços (as) que compõem um presépio humano divertido e que carrega a história e a tradição da celebração natalina, ocupando os hospitais.  Veja como é nosso cortejo aqui.

Instituições atendidas em 2013

Santa Casa BH

Hospital da Baleia

Hospital das Clínicas – UFMG

Hospital Infantil João Paulo II – Rede Fhemig

2014
Premiação de Honra ao Mérito

Reconhecimento pela Câmara Municipal de Belo Horizonte com o recebimento da Honra ao Mérito, pelos relevantes serviços prestados à comunidade, no ano de 2014.

Bloco Hahaha

Em 2014, foi realizado o primeiro Bloco Hahaha  nos hospitais. Os cortejos promovem nas instituições elementos da cultura popular para quem está hospitalizado e não pode acessá-los de outras formas.  Assista os vídeos do Bloco Hahaha.

Harraiá do Hahaha

O Cortejo Junino levou pela primeira vez nos hospitais a tradição desta de São  João! Não é mentiiiiiira! É verdade. Os cortejos promovem nas instituições elementos da cultura popular para quem está hospitalizado e não pode acessá-los de outras formas.  Assista os vídeos do Bloco Hahaha e do Harraiá!

Registro como entidade do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes (CMDCA, BH-MG)
Expansão do atendimento

Início do atendimento no Hospital João XXIII – Rede Fhemig

2015
Espetáculo Auto de Natal

O espetáculo nasce da experiência do cortejo natalino nos hospitais e retorna a cidade em um formato para todo o público. A primeira apresentação foi na Praça da Liberdade, abrindo o evento das luzes de natal, e em seguida no bairro Santa Tereza, em Belo Horizonte, marcando o início e uma tradição anual! Assista um trecho dele aqui.

Espetáculo Dia Útil

A estreia do espetáculo Dia Útil ocorreu durante a 3ª Mostra Hahaha. Por meio de um processo intenso de criação, os artistas transpõem para o palco cenas que retratam, de forma lúdica e evocando a comicidade do palhaço, a essência do trabalho desenvolvido nos hospitais com as crianças. O espetáculo é inspirado na reflexão e vivência rotineira dos palhaços em hospitais.

2016
Espetáculo Zona de Risco

Baseado no improviso, com muito humor e música, o espetáculo é direcionado pelo público. Um mestre de cerimônia conduz a apresentação cheia de jogos e temas, que serão sorteados pela plateia. Os besterologistas entram em uma zona de risco, na qual respondem cada dúvida com histórias cômicas vivenciadas nos encontros com crianças, familiares e profissionais de saúde. 

2017
Expresso Hahaha – Conceição do Mato Dentro e Santana do Riacho – MG

A primeira saída da capital é um marco na trajetória. No Expresso Hahaha compartilha-se as experiências e saberes gerados no trabalho contínuo das visitas de palhaços profissionais as pediátricas de hospitais públicos de Belo Horizonte.  O grupo visitou a Policlínica e duas zonas rurais, além de participar de uma conversa aberta para todo o publico curioso deste trabalho: o "Relatos Besterológicos". Para fechar a passagem pela cidade,  promoveu-se o Espetáculo "Dia Útil", em praça pública no sábado.  Veja como foi a ação aqui. 

Oficina Palhaço Sem Contraindicação

A oficina foi criada voltada para o público que tem curiosidade sobre o universo da palhaçaria. É sem contraindicação, mas tem efeitos colaterais maravilhosos!

Oficina R-Zero
2018
Registro como entidade do Conselho Municipal do Idoso (CMI/BH-MG)
Expresso Hahaha em Conselheiro Lafaiete e São João Del Rei - MG

 O Expresso Hahaha fez uma parada em Conselheiro Lafaiete e São João Del Rei para promover uma dose das ações da organização no nessas cidades e levar o riso e a cultura da alegria para as cidades.  Confira como foi aqui.

Expresso Hahaha em Ipatinga-MG

 O Expresso estacionou em Ipatinga, na região do Vale do Aço, em Minas Gerais. O programa que leva as atrações do instituto para o interior do Estado, promoveu visitas besterológicas na pediatria do Hospital Márcio Cunha - FSFX, oficinas de formação na palhaçaria e o espetáculo Zona de Risco - Palhaços de Hospital.  Veja o impacto neste vídeo.

Espetáculo Auto de Natal para além dos grandes centros
Pela primeira vez, o espetáculo Auto de Natal foi apresentado em escolas e centros culturais de regiões periféricas de Belo Horizonte. O Instituto esteve no Centro Cultural Jardim Guanabara, na Escola Estadual Diogo de Vasconcelos, e no Centro Cultural Lindéia Regina levando mais Hahaha para todos. 
2019
Projeto Brumadinho

O Instituto Hahaha participou do  Projeto Brumadinho, realizado pelos Palhaços Sem Fronteiras Brasil, e promoveu 14 intervenções para o público atingido. 

Café com Hahaha

O Café Hahaha é um momento de abrir as portas da sede do Instituto Hahaha e apresentar a organização para todos! Como bons mineiros, com muito café e pão de queijo!

Oficina Manhã Hahaha

Realizada como uma imersão ao modo de fazer Hahaha e baseada em jogos, brincadeiras, princípios de improvisação e trabalho coletivo para estimular a criatividade e a percepção de si e do outro, o resgate da escuta e o trabalho de confiança mútua. 

Sete na Praça 7

Os sete anos de atuação do Instituto em Belo Horizonte foi celebrado presenteando a capital com um cortejo musical, o Harraiá do Hahaha, no marco zero da cidade, a Praça Sete.  É 7 na Praça 7, unindo a história institucional a da cidade.

Expansão do atendimento

Início do atendimento ao público idoso

  • Hospital Paulo de Tarso
  • Hospital da Baleia
  • Instituto Geriátrico Afonso Pena (IGAP)
2020
Canal Hahaha

Diante do contexto da pandemia do coronavírus, não é possível entrar em cada instituição. Por isso, foram criadas janelas virtuais nas quais os (as) palhaços (as) entram pelas telas de celulares, tablets, e TVs.  O canal do Instituto Hahaha no Youtube tem vídeos novos duas vezes por semana e podem ser maratonados com toda a família!

Consultório Hahaha online

Criação da ação de teleatendimento com pacientes, acompanhantes, profissionais da saúde, e colaboradores de instituições na qual os (as) palhaços (as) realizam o atendimento de modo virtual. 

Escola Hahaha

Início do projeto Escola Hahaha que oferecerá um espaço virtual de qualificação
artística para pessoas que atuam na área da palhaçaria hospitalar. 

Expansão atendimento

Início do atendimento a  crianças e adolescentes de Ipatinga, MG, e em Unidades de Acolhimento Institucional em BH 

Instituições atendidas:

  • Casa dos Pequenos
  • Casa Tremedal
  • Hospital Márcio Cunha – FSFX

escola hahaha